Solenidade de São João de Deus

Carta Circular do Superior Geral

 

Um homem apaixonado por Deus e compassivo com os doentes e os pobres (Papa Francisco)

A todos os Irmãos e Colaboradores, membros da Família Hospitaleira de S. João de Deus

Acabamos de encerrar o LXIX Capítulo Geral da Ordem e já se aproxima a Festa de São João de Deus, nosso Fundador, uma razão propícia para vos dirigir a todos as minhas primeiras palavras e, especialmente, para vos enviar as minhas felicitações e os melhores votos de que todos celebremos com grande alegria a solenidade do nosso Padroeiro.

Todos acompanharam com interesse o Capítulo Geral e as suas diferentes sessões e etapas. Como sempre, foi um momento forte de comunhão e de fraternidade na Hospitalidade, vivido com grande intensidade e numa permanente atitude de discernimento, para perscrutar a luz do Espírito Santo e escutar a sua voz, para responder com a máxima fidelidade à missão que é pedida à Ordem.

O Capítulo decorreu sob o lema "Construir o futuro da Hospitalidade". Trata-se de algo mais do que um simples lema. Implica uma atitude dinâmica permanente no sentido de construir, renovar, viver em fidelidade, dar novas respostas aos novos tempos. Por isso, requer a construção de odres novos para que possam recolher o vinho novo de Hospitalidade que, além de ser o fundamento da nossa casa, da nossa construção, é também o que a enche de luz e significado.

Neste sentido, e com esses objetivos, trabalhámos em Roma durante mais de três semanas, procurando encontrar as linhas de futuro para a nossa Família de S. João de Deus. Certamente, muitos já terão sido informados nas Províncias e, em breve, será publicado o Documento conclusivo, com alguns discursos e a programação para o sexénio que acabamos de iniciar.

Um momento muito especial e emocionante para todos foi a Audiência privada que o Papa Francisco nos concedeu, no dia 1 de fevereiro. Foi um amanhã muito importante porque, além de termos recebido a hospitalidade do Papa, em sua Casa, e de podermos compartilhar e tirar fotos com ele, o Santo Padre dirigiu-nos uma mensagem cheia de luz e de inspiração que, juntamente com as Declarações finais, fará parte e irá inspirar o Programa do Governo Geral nos próximos anos.

A Mensagem, breve, mas cheia de luz e profundidade, destina-se a ser lida e relida, meditada em profundidade, transformada em oração e compartilhada entre Irmãos e Colaboradores. Convido-vos vivamente a fazer isso. Não falta a referência a São João de Deus, o nosso Fundador, quando nos diz: "Por favor, não transformeis a Ordem Hospitaleira num exército isolado, numa reserva fechada. Dialogai, debatei e projetai em conjunto, a partir das vossas raízes, o presente e o futuro da vossa vida e missão, escutando sempre a voz de tantos doentes e das pessoas que precisam de vós, como fez S. João de Deus: um homem apaixonado por Deus e compassivo com os doentes e os pobres.

É um programa completo de vida, sob a orientação de S. João de Deus. Recordemos as suas palavras: "Amai a Nosso Senhor Jesus Cristo sobre todas as coisas do mundo, pois, por muito que O ameis, muito mais vos ama Ele. Tende sempre caridade, porque onde não há caridade não há Deus, embora Ele esteja em todo o lugar (Carta a Luís Baptista, 15). Peço a Deus e convido todos os membros da nossa Família Hospitaleira de S. João de Deus a terem a audácia de viver apaixonadamente por Deus e com um coração que, como o Bom Samaritano, se compadeça diante de qualquer pessoa que esteja doente, pobre e carenciada.

Começamos um novo sexénio cheios de esperança e confiança no Senhor e em todos os membros da nossa Família. Todos os membros do novo Governo Geral darão o máximo de si mesmos para continuar a construir e a tornar visível, todos os dias, a Hospitalidade do Evangelho que São João de Deus encarnou como ninguém. São muitos os desafios e as responsabilidades, mas estamos convictos de que podemos contar com o auxílio do Senhor, de São João de Deus e de toda a Ordem. Em comunhão e com audácia. Nos próximos dias, o novo Governo Geral, irá a Granada para colocarmos este novo sexénio sob a proteção do nosso Fundador, e para haurirmos e nos inspirarmos na sua vida e no seu exemplo.

Como sempre, nesta data, desejo comunicar a todos o êxito da Campanha de 2018 para o projeto "Akassato (Cotonou), da Província de S. Ricardo Pampuri (Benim-Togo)". O total dos donativos destinados a este projeto foi de 305.451,73 euros, fruto da solidariedade de todos: por isso, mais uma vez, os meus mais sinceros agradecimentos.

Ao mesmo tempo, gostaria de informar que, por ocasião do Capítulo Geral, lançámos uma campanha para ajudar as nossas Obras na Venezuela, intitulado "Comida solidária compartilhada", para atender às necessidades da população desnutrida, especialmente das crianças. O montante até agora recolhido atinge o valor de 100.000 euros. Decidimos não lançar uma nova campanha para 2019, mantendo aberta durante o ano a da Venezuela e convidando a apoiar este projeto, não só aqueles que ainda não tiveram a oportunidade de o fazer, mas igualmente quem já o fez. Obrigado novamente pela vossa solidariedade e generosidade para com aqueles que menos têm.

Desejo a todos uma feliz Festa de São João de Deus. Que a sua paixão e a sua dedicação aos pobres e doentes estimulem toda a nossa Família Hospitaleira a crescer e a continuar a construir com entusiasmo e audácia o futuro da Hospitalidade, no início deste novo sexénio.

Unidos no Senhor e em São João de Deus, recebam um abraço fraterno.

 

Ir. Jesús Etayo

Superior Geral

 
 

Salva questo testoSegnala ad un amicoStampaTorna alla pagina precedenteTorna alla home page